Contactos

Financiamento e Consórcio Escolha sua casa,carro,caminhão,etc.

  • Pessoa de contato: Aluizio Consultor
  • Telefone: +55 (11) 96867-58-13
  • +55 (11) 2089-16-83
  • MSN: cartadecreditoonlinesp@hotmail.com
  • Skype: cartadecreditoonlinesp@hotmail.com
  • Endereço postal: Rua Voluntários da Pátria,560 5º Andar Sala 501, Sao paulo, São Paulo, 02010000, Brasil

Renovações do site
Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 1
  • Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 2
  • Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 3
  • Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 4
  • Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 5
  • Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 6
  • Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 7
  • Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 8
  • Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 9
  • Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil., foto 10

Sinotruk A7 460 Novo ou Usado em Todo Brasil.

Disponível em três opções de potência, 380, 420 e 460cv, a Sinotruk apresentou os pesados da família A7, a mais moderna da marca Parcela Á Partir de R$ 2.299,00
disponível
R$2.299 /mês
Encomendar
Condições de pagamento e frete
Informação de contato
  • Pessoa de contato: Aluizio Consultor
  • Telefone: +55 (11) 96867-58-13
  • +55 (11) 2089-16-83
  • MSN: cartadecreditoonlinesp@hotmail.com
  • Skype: cartadecreditoonlinesp@hotmail.com
  • Endereço postal: Rua Voluntários da Pátria,560 5º Andar Sala 501, Sao paulo, São Paulo, 02010000, Brasil
Descrição detalhada de um produto

Sinotruk A7, o top da marca chega ao Brasil

Clique para ampliar a imagem
Novos Sinotruk começam a chegar ao Brasil em setembro com três faixas de potências e preços que variam de 270 a 340 mil reais

Disponível em três opções de potência, 380, 420 e 460cv, a Sinotruk apresentou os pesados da família A7, a mais moderna da marca que desembarca no Brasil para concorrer no segmento de extrapesados que privilegiam a segurança, conforto, desempenho e maior rentabilidade

Texto João Geraldo

No Brasil desde 2008, e com mais de 500 unidades comercializadas, a Sinotruk acaba de dar um importante passo para a consolidação de sua marca no País. Trata-se do lançamento dos modelos da família de pesados A7, que desembarcam no mercado brasileiro para concorrer no segmento de caminhões Premium, caracterizado por produtos mais modernos e com soluções que privilegiam a segurança, conforto, desempenho e maior rentabilidade. Importados da China, os veículos serão distribuídos por uma rede formada atualmente por 35 concessionários instalados em pontos estratégicos do território brasileiro, que contam ainda com um centro de distribuição de peças instalado em Curitiba/PR.
Clique para ampliar a imagem
Veículos são equipados com motor de 12 litros, potências de 380 a 460cv e transmissão automatizada de série

Previstos para começarem a ser entregues aos transportadores a partir do início de setembro, os novos cavalos-mecânicos da marca Sinotruk serão disponibilizados com motores de 380, 420 e 460cv de potência, nas configurações 4X2, 6X2 e 6X4, respectivamente e equipados, de série com pacote de itens de conforto e segurança. "Os caminhões A7 têm como compromisso garantir melhor desempenho, economia, conforto ao transportador, além de baixos níveis de emissões", comenta Joel Anderson, diretor geral da Sinotruk Brasil. As três opções do Sinotruk A7 são equipadas com motor de 12 litros, seis cilindros em linha e caixa de câmbio automatizada de série, com opção para transmissão manual.

A versão com motor de 380cv de potência a 2.000rpm e torque de 1.650NM na faixa de 1.100 a 1.400rpm. Esta versão, também disponibilizada com cabine de teto baixo, utiliza transmissão automatizada de 16 velocidades à frente e quatro à ré, produzida pela própria Sinotruk e opção para caixa mecânica sincronizada, com 12 velocidades à frente e duas à ré. Os modelos com motores de 420 e 460cv utilizam a mesma caixa automatizada da versão com 380cv e disponibiliza como segunda opção caixa de câmbio manual de 16 velocidades à frente e quatro à ré. O motor que equipa as três versões, denominado D12, têm 12 litros, seis cilindros e sistema de injeção common rail e sistema SCR para atender a atual legislação brasileira de meio ambiente.
Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

Entre os itens de tecnologia, também ganha destaque nos novos pesados Sinotruk – como itens de série – os sistemas ABS/ASR (sistema anti-bloqueio das rodas) de freios, EBL (distribuição eletrônica das forças de frenagem) e TPM (monitor de pressão dos pneus) e suspensão a ar na cabine. Vidros com levantamento elétrico, aparelho de ar-condicionado digital, espelhos elétricos e suspensão a ar com ajustes, entre outros, também são itens de série na família A7. As cabines altas da linha A7 2012 tem espaço de 1,93m entre o piso e o teto e duas camas. "As cabines são pintadas com os mais avançados processos de pintura, utilizando tintas à base de água que elimina a descarga de produtos nocivos ao meio ambiente", destaca Joel Anderson.
Clique para ampliar a imagem
Interior da cabine segue tendências do segmento de caminhões Premium, com amplo espaço e itens de segurança e conforto

Durante a apresentação da nova linha Sinotruk, no início de julho, Joel Anderson divulgou os preços dos veículos para o mercado brasileiro, sendo R$ 270 mil para a versão 4X2, R$ 310 mil para a 6X2 e R$ 340 mil para a 6X4. Primeiro lote a chegar no Brasil com motorização Euro 5 será de 2.000 unidades, sendo 1.600 unidades da linha A7 e outros 400 da família Howo 380, o modelo que abriu as portas do mercado brasileiro para a Sinotruk.

Esta versão, cuja cabine tem design diferente do A7 380, continuará a ser a de entrada da marca no País, porém com motor de 10 litros e tecnologia SCR para atender a legislação do Proconve P-7. Na ocasião do lançamento, foi apresentada também a versão A7 420 8X4, com chassi rígido, para aplicações fora de estrada, como construção civil e mineração. A previsão é que o modelo esteja disponível no mercado brasileiro em novembro próximo.
Clique para ampliar a imagem
Os caminhões A7 têm o compromisso de garantir o melhor desempenho e economia, diz Joel Anderson, diretor-geral da Sinotruk Brasil

As atuais 35 concessionárias da rede Sinotruk no Brasil pertencem a 18 grupos econômicos e estão presentes em 17 Estados. A meta é abrir mais cinco unidades este ano, mais 11 em 2013 e outras 11 em 2014, chegando a 62 unidades em 24 Estados. A rede conta com apoio do Centro de distribuição de peças instalado em Curitiba/PR, com mais de 2.700 itens que deverá chegar a 4.700 com os componentes para a família A7, conclui Anderson.
FÁBRICA NO BRASIL

Produzidos pela CNHTC (China National Heavy Duty Truck Group Corporation), o maior fabricante chinês de veículos pesados da China – cuja produção em 2011 atingiu 220 mil unidades – Sinotruk é a marca adotada pela empresa principalmente para concorrer em mercados fora do país. A meta da gigante chinesa é começar a montar caminhões no Brasil e para isso já conta com área de 2.200.000 metros quadrados, no município de Lajes/SC, dos quais 1.200 serão disponibilizados para a construção de unidades industriais de fabricantes de autopartes.

Pelos planos da empresa, a fábrica ficará pronta em janeiro de 2014 e começa a montar os veículos com peças vindas da China (regime CKD), a partir de junho do mesmo ano, com projeção de nacionalizar ao menos 65% das peças. A meta de produção é de cinco mil unidades no primeiro ano e de oito mil em um segundo momento, ainda sem previsão e prospecção inicial de conquistar 2,3% do mercado de pesados no País. De acordo com Joel Anderson, atualmente a Sinotruk já conta com seis parceiros desenvolvidos no Brasil e logo haverá outros. Adiantou que os chineses também já se preocupam em encontrar um fabricante de motores no País.

A construção da fábrica no Brasil é uma joint-venture que faz parte da expansão da marca Sinotruk no mundo. O investimento inicial no projeto é de 300 milhões de reais, mas Anderson adiantou que o empreendimento carece de recursos maiores. Com a produção no País a Sinotruk Brasil passa de importador a fabricante de caminhões, pois a CNHTC será dona de 24% da fábrica e outros 76% de capital nacional. Ma Chunji, chairman da CNHTC, disse estar contente com o sucesso que a Sinotruk está obtendo na América Latina, numa demonstração de que os chineses têm grande interesse no negócio, inclusive de produzir aqui veículos menores, pois recentemente a empresa adquiriu na China um fabricante de caminhões leves.

Informação para encomenda
  • Preço: R$2.299 /mês
Categoria do catálogo Negociol.com: Veículo pesado de carga em São Paulo
Criado: 25/12/13 22:03
Alterado: 12/05/17 12:06